Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

ANS exige que Amil reassuma planos individuais que seriam repassados a outra operadora - Nova Difusora

Fale conosco via Whatsapp: +11976774820

No comando: Café News

Das 07:00 às 08:00

No comando: Em Pauta

Das 08:00 às 09:00

No comando: Programa Wellignton de Andrade

Das 09:00 às 10:00

No comando: AVENTURAS SERTANEJAS EDIÇÃO DE SÁBADO

Das 09:00 às 11:00

No comando: Francisco Rossi e você

Das 10:00 às 12:00

No comando: Conexão Regional

Das 11:00 às 12:00

No comando: Sintonizados

Das 12:00 às 14:00

No comando: Roda de Amigos

Das 13:00 às 14:00

No comando: AVENTURAS SERTANEJAS

Das 14:00 às 15:00

No comando: CLÁSSICOS SERTANEJOS EDIÇÃO DE SÁBADO

Das 14:00 às 16:00

No comando: POSCAST

Das 15:00 às 16:00

No comando: Jornada Esportiva

Das 15:00 às 18:00

No comando: Papo Reto

Das 16:00 às 17:00

No comando: SAMBA DO BOCA

Das 16:00 às 18:00

No comando: Verdades Vivas

Das 17:00 às 18:00

No comando: Nova Esporte

Das 18:00 às 19:00

No comando: Pega Leve EDIÇÃO DE SÁBADO

Das 18:00 às 22:00

No comando: Pega Leve

Das 20:00 às 22:00

ANS exige que Amil reassuma planos individuais que seriam repassados a outra operadora

Foto: Reprodução / Brazil Journal

Repórter: Bernadete Druzian

Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) determinou que a Amil reassume planos de saúde repassados para outra operadora no início deste ano. 

A Amil pretendia transferir a gestão de 337 mil planos individuais para nova empresa liderada pelo grupo Fiord. 

Segundo a ANS, a operação havia sido autorizada, no fim do ano passado, mediante garantias da Amil para manter o equilíbrio econômico-financeiro da sua gestora de saúde, a Assistência Personalizada à Saúde. 

No entanto, a Amil se desfez de parte do capital social, o que comprometeu as garantias. 

As empresas têm 10 dias para se manifestar perante a ANS para que a transferência da carteira de saúde possa ser aprovada.

Deixe seu comentário: