Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Furlan diz que Hospital Regional de Barueri começa a funcionar em setembro - Nova Difusora

Fale conosco via Whatsapp: +11976774820

No comando: Em Pauta

Das 08:00 às 09:00

No comando: Programa Wellignton de Andrade

Das 09:00 às 10:00

No comando: AVENTURAS SERTANEJAS EDIÇÃO DE SÁBADO

Das 09:00 às 11:00

No comando: Francisco Rossi e você

Das 10:00 às 12:00

No comando: Conexão Regional

Das 11:00 às 12:00

No comando: Sintonizados

Das 12:00 às 14:00

No comando: Roda de Amigos

Das 13:00 às 14:00

No comando: AVENTURAS SERTANEJAS

Das 14:00 às 15:00

No comando: CLÁSSICOS SERTANEJOS EDIÇÃO DE SÁBADO

Das 14:00 às 16:00

No comando: POSCAST

Das 15:00 às 16:00

No comando: Jornada Esportiva

Das 15:00 às 18:00

No comando: Papo Reto

Das 16:00 às 17:00

No comando: SAMBA DO BOCA

Das 16:00 às 18:00

No comando: Verdades Vivas

Das 17:00 às 18:00

No comando: Nova Esporte

Das 18:00 às 19:00

No comando: Pega Leve EDIÇÃO DE SÁBADO

Das 18:00 às 22:00

No comando: Pega Leve

Das 20:00 às 22:00

Furlan diz que Hospital Regional de Barueri começa a funcionar em setembro

Até setembro deste ano, o Hospital Regional de Barueri estará atendendo os moradores da região.

Segundo o prefeito Rubens Furlan, a previsão é de que a unidade esteja em pleno funcionamento até o final do primeiro trimestre de 2023.

“Em setembro já vamos ter inaugurado até o terceiro andar e, até março do ano que vem, o restante”, disse em vídeo publicado em suas redes sociais.

O Hospital Regional de Barueri vai atender mais de 1,8 milhão de moradores das sete cidades da região Oeste da Grande São Paulo.

A unidade recebeu mais de R$ 250 milhões em investimentos, sendo R$ 125 milhões do governo estadual e outros R$ 125 milhões da prefeitura de Barueri, que também doou o terreno com área de mais de 64 mil metros quadrados e o projeto.

O Hospital, localizado no Parque Viana, terá área construída de 40 mil metros quadrados e fará atendimentos de casos de alta complexidade. Serão 310 leitos, centro cirúrgico com oito salas de grande porte, 20 leitos de RPA (Recuperação Pós-Anestésica), pronto atendimento com observação com 30 leitos, hospital-dia com 20 leitos, setor de radioterapia e quimioterapia com salas equipadas com tomografia e ressonância magnética.
fonte webdiario.com.br

Deixe seu comentário: