Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Microsoft aposenta Internet Explorer após 27 anos - Nova Difusora

Fale conosco via Whatsapp: +11976774820

No comando: Em Pauta

Das 08:00 às 09:00

No comando: Programa Wellignton de Andrade

Das 09:00 às 10:00

No comando: AVENTURAS SERTANEJAS EDIÇÃO DE SÁBADO

Das 09:00 às 11:00

No comando: Francisco Rossi e você

Das 10:00 às 12:00

No comando: Conexão Regional

Das 11:00 às 12:00

No comando: Sintonizados

Das 12:00 às 14:00

No comando: Roda de Amigos

Das 13:00 às 14:00

No comando: AVENTURAS SERTANEJAS

Das 14:00 às 15:00

No comando: CLÁSSICOS SERTANEJOS EDIÇÃO DE SÁBADO

Das 14:00 às 16:00

No comando: POSCAST

Das 15:00 às 16:00

No comando: Jornada Esportiva

Das 15:00 às 18:00

No comando: Papo Reto

Das 16:00 às 17:00

No comando: SAMBA DO BOCA

Das 16:00 às 18:00

No comando: Verdades Vivas

Das 17:00 às 18:00

No comando: Nova Esporte

Das 18:00 às 19:00

No comando: Pega Leve EDIÇÃO DE SÁBADO

Das 18:00 às 22:00

No comando: Pega Leve

Das 20:00 às 22:00

Microsoft aposenta Internet Explorer após 27 anos

Repórter: Milena Abreu

Após quase 27 anos, Internet Explorer é aposentado oficialmente.

Lançado em 1995 como parte do Windows 95, se tornou um sucesso, o navegador de internet foi um dos mais populares durante os anos 2000. Em 2002, por exemplo, o IE respondia por 95% do mercado de navegadores.

Mas a sem uma nova versão desde o IE6, o navegador logo se tornou conhecido pelos bugs, problemas de segurança e tecnologia lenta. E em 2010 ficou com menos de 50% do mercado.

Em comunicado oficial, a Microsoft afirma que a web assim como os navegadores evoluíram demais e o Internet Explorer não conseguiu acompanhar e se igualar às novas ferramentas.

Mas destaca que o navegador contribuiu e muito para a evolução da web, inclusive para torná-la mais interativa.

Os usuários que ainda clicarem no ícone do navegador serão direcionados para o Microsoft Edge, no modo “IE”.

Nesse modo, os usuários poderão acessar sites e aplicativos mais antigos baseados no Internet Explorer a partir do Edge.

Mas a solução deve ser durar pouco tempo: a Microsoft planeja lançar um update do Windows que remova todos os ícones do navegador aposentado.

Hoje, o Chrome do Google ocupa 73% do mercado de navegadores.

Fonte Agência Rádio 2

Deixe seu comentário: