Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

PM liberta mulher mantida em cárcere privado pelo marido - Nova Difusora

Fale conosco via Whatsapp: +11976774820

No comando: Em Pauta

Das 08:00 às 09:00

No comando: Programa Wellignton de Andrade

Das 09:00 às 10:00

No comando: AVENTURAS SERTANEJAS EDIÇÃO DE SÁBADO

Das 09:00 às 11:00

No comando: Francisco Rossi e você

Das 10:00 às 12:00

No comando: Conexão Regional

Das 11:00 às 12:00

No comando: Sintonizados

Das 12:00 às 14:00

No comando: Roda de Amigos

Das 13:00 às 14:00

No comando: AVENTURAS SERTANEJAS

Das 14:00 às 15:00

No comando: CLÁSSICOS SERTANEJOS EDIÇÃO DE SÁBADO

Das 14:00 às 16:00

No comando: POSCAST

Das 15:00 às 16:00

No comando: Jornada Esportiva

Das 15:00 às 18:00

No comando: Papo Reto

Das 16:00 às 17:00

No comando: SAMBA DO BOCA

Das 16:00 às 18:00

No comando: Verdades Vivas

Das 17:00 às 18:00

No comando: Nova Esporte

Das 18:00 às 19:00

No comando: Pega Leve EDIÇÃO DE SÁBADO

Das 18:00 às 22:00

No comando: Pega Leve

Das 20:00 às 22:00

PM liberta mulher mantida em cárcere privado pelo marido

Policiais militares do 14º Batalhão de Osasco libertaram, na noite desta quarta-feira (3), uma mulher que era mantida em cárcere privado pelo marido. Após uma denúncia anônima os PMs chegaram a um imóvel na rua Júlio Silva, 119, Centro de Osasco. O denunciante teria ouvido uma pessoa gritar por socorro da janela de um cômodo e então ligou para a polícia.

Quando os policiais chegaram no local informado eles encontraram a mulher mantida em cárcere privado pelo companheiro há mais de uma semana, num cômodo insalubre, sem acesso a banheiro, tendo que realizar as necessidades fisiológicas em um pote de sorvete. “Visto o pedido de socorro e a impossibilidade de adentrar o local de maneira não invasiva, foi necessário o arrombamento da porta para libertar a vítima”, explicou a PM.

A vítima tinha diversas lesões espalhadas pelo corpo. Ela foi socorrida e encaminhada à UPA para atendimento médico. Aos PMs a mulher relatou constantes agressões físicas e psicológicas sofridas por seu companheiro. Questionada o paradeiro do seu agressor, ela indicou o possível local em que ele se encontraria.

Os policiais fizeram uma busca pela região e encontraram o agressor que confessou manter a companheira em cárcere privado. Ele foi preso por cárcere privado e violência doméstica e encaminhado ao 5º DP.

Fonte: webdiario.com.br

Deixe seu comentário: