Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Radiografia das Relações Econômicas Internacionais da Grande SP Oeste - Nova Difusora

Fale conosco via Whatsapp: +11976774820

No comando: Em Pauta

Das 08:00 às 09:00

No comando: Programa Wellignton de Andrade

Das 09:00 às 10:00

No comando: AVENTURAS SERTANEJAS EDIÇÃO DE SÁBADO

Das 09:00 às 11:00

No comando: Francisco Rossi e você

Das 10:00 às 12:00

No comando: Conexão Regional

Das 11:00 às 12:00

No comando: Sintonizados

Das 12:00 às 14:00

No comando: Roda de Amigos

Das 13:00 às 14:00

No comando: AVENTURAS SERTANEJAS

Das 14:00 às 15:00

No comando: CLÁSSICOS SERTANEJOS EDIÇÃO DE SÁBADO

Das 14:00 às 16:00

No comando: POSCAST

Das 15:00 às 16:00

No comando: Jornada Esportiva

Das 15:00 às 18:00

No comando: Papo Reto

Das 16:00 às 17:00

No comando: SAMBA DO BOCA

Das 16:00 às 18:00

No comando: Verdades Vivas

Das 17:00 às 18:00

No comando: Nova Esporte

Das 18:00 às 19:00

No comando: Pega Leve EDIÇÃO DE SÁBADO

Das 18:00 às 22:00

No comando: Pega Leve

Das 20:00 às 22:00

Radiografia das Relações Econômicas Internacionais da Grande SP Oeste

Nesta segunda-feira (04/07) a CIOESTE, Consórcio Intermetropolitano que congrega as principais cidades de nossa região, assinou um Protocolo de Cooperação com a Walvis Bay Corridor Group (WBCG), da Namíbia, África, de modo a pavimentar o caminho para um plano de ação que incentivará os negócios entre as cidades da CIOESTE e os integrantes da WBCG, parceria público privada namibiana que congrega órgãos de governo e empresas do País.

 

Existem muitas oportunidades futuras que esse protocolo pode trazer ao comércio entre nossas cidades e a região do sudoeste africano, que representa importante mercado do Continente. O Corredor logístico da WBCG possibilita acesso, entre outros, ao mercado do sudoeste africano e da África do Sul. Além disso, as oportunidades no Continente, em seu conjunto, são muito amplas. Basta lembrarmos os investimentos chineses na região.  Desse modo, esse protocolo abre o caminho para o incremento do comércio, beneficiando as empresas da região Oeste e, sobretudo, a geração de emprego e renda regional

 

Para além disso, esse protocolo suscita uma reflexão sobre a importância do comércio exterior regional. Resolvemos então buscar alguns dados para vermos o andamento do intercâmbio, nos últimos anos.

 

Repare que, entre os anos de 2016 e 2019, antes da pandemia da Covid- 19, houve um incremento de 15% do intercâmbio comercial (que soma os dados de exportação mais importação), saltando de $5.774.379.402 (bilhões de dólares) para $6.672.532.818 (bilhões de dólares).

 

A região em si é deficitária. Em 2019 houve um déficit de $4.346.578.788 (bilhões de dólares) das cidades que congregam a CIOESTE, tendo o município de Barueri importado mais de 1,5 bilhões nesse ano. Lembrando que o déficit em si não representa, necessariamente, aspecto negativo, uma vez que pode ser implicar acesso a insumos e equipamentos industriais para a indústria de transformação (investimentos).

 

O intercâmbio comercial de mais de 6 bi anual denota a importância do comércio exterior para o conjunto das cidades da Grande Sp Oeste. A região, inclusive, já organizou dois Congressos e Seminários sobre o tema.

 

O recente protocolo entre o Consórcio e a WBCG representa esforço adicional importante, em prol do incremento comercial, da internacionalização das empresas da região,

e da geração de emprego e renda regional. É necessário avançarmos cada vez mais nessa direção e nas discussões entre órgãos representativos regionais e o setor privado.

Carlos Eduardo Perez

É formado em relações internacionais (USP) e colunista para assuntos internacionais

Deixe seu comentário: